Todos os dias somos invadidos com notícias que nos mostram que devemos fazer escolhas mais sustentáveis. Mas como? A melhor forma é sempre começar dando pequenos passos.

1- Planear as refeições

Podes escolher um dia da semana e cozinhar para vários dias ou em cada refeição, fazer quantidades maiores para que possas comer em várias refeições. Aproveita para experimentares novos pratos e te divertires na cozinha! Uma boa opção é teres sempre sopa pronta para servir em qualquer imprevisto.

2- Fazer lista de compras

Evita comprar produtos desnecessários, fazendo a lista de tudo o que precisas para preparar as receitas, previamente planeadas, antes de ires às compras.

3- Organizar a despensa e o frigorífico

Quantas vezes compraste alimentos por achares que não os tinhas em casa? Demasiadas, certo? Manter o frigorífico e a despensa organizados é uma forma super eficaz de garantires que sabes sempre quais são os ingredientes que tens disponíveis e quais precisas de comprar. Vai verificando os prazos de validade e utiliza primeiro os artigos que estão quase no limite.

4- Comer mais local e sazonal

Dá preferência a legumes e a fruta da época, optando pelos produtos localmente produzidos. Assim, além de ajudares a economia local, contribuis para a redução da emissão de poluentes utilizados no transporte dos alimentos e, claro, a reduzir o desperdício alimentar.

5- Comprar produtos a granel

Comprar produtos a granel para cozinha é a melhor forma de evitar o consumo de embalagens desnecessárias. Opta por reutilizar embalagens que já tens em casa, como frascos de conservas e compotas. Desta forma garantes também que compras apenas as quantidades de que precisas.

6- Aproveitar cada ingrediente ao máximo

Sempre que sobra algum alimento de uma refeição, há sempre uma receita que o pode salvar, quer sejam empadas, massas ou quiches. E se forem frutas que estão demasiado maduras? Transforma-as em compotas, batidos ou gelados. O pão duro também tem salvação: rala-o e usa em outras receitas ou faz croutons. Até as cascas, talos e folhas dos legumes e frutas têm utilidade, seja em caldos ou sopas. Não há desculpas!

7- Congelar os alimentos

A melhor maneira de garantir a preservação dos alimentos frescos é congelando-os. Podes também congelar comida que tenha sobrado de uma refeição e depois comê-la mais tarde na cozinha.

8- Poupar energia

Desliga os eletrodomésticos das tomadas quando não estão a ser utilizados e evita abrir o frigorífico sem necessidade ou deixá-lo aberto durante muito tempo. Colocar alimentos quentes no frigorífico também é prejudicial ao aparelho. Quando fores comprar novos eletrodomésticos garante que têm uma boa eficiência energética. Estas são pequenas formas de reduzires também a tua conta de luz no final do mês.

9- Poupar água

Reaproveita a água sempre que possível! A água da cozedura das batatas serve para cozinhar outros alimentos ou pode ser utilizada noutras receitas. A água da lavagem dos legumes é muito rica em nutrientes e é perfeita para regar as plantas. Outra forma de poupares água é deixar a loiça de molho por uns minutos, antes de a lavares para que a limpeza seja mais fácil.

10- Deixar os alimentos descongelarem naturalmente

Em vezes de utilizares o micro-ondas sempre que precisas de descongelar alimentos, deixa-os descongelar naturalmente, colocando-os no frigorífico na noite anterior.

11- Fazer reciclagem

Esta é um clássico mas que é sempre importante relembrar: separa o lixo por categorias e e recicla sempre que possível! Guarda o óleo de cozinha em garrafas de plástico e entrega nos pontos de recolha disponíveis na tua cidade.

12- Descartar menos

Evita utilizar guardanapos, pratos e outros materiais descartáveis. Poupas o ambiente e a carteira!

🥬Estas dicas podem ser a primeira abordagem para teres uma casa mais sustentável. Um passo de cada vez vais conseguir ajudar o ambiente e as tuas economias!

Tags: | |